Sessão BOLA NA ÁREA – 23 de Junho

Um cabeleireiro, vendedores de cachorro quente e um adolescente lutando com o celibato, o que eles podem ter em comum? Em clima de euforia de copa, o Cineclube Ieda Beck apresenta curtas-metragens que jogam com o esporte que fascina e enlouquece o Brasil.

São documentários e ficções de MT, RJ e SC. Então venha comemorar na telona esses gols do cinema brasileiro, no novo local do Cineclube Ieda Beck: o Instituto Arco Iris, entre os charmosos botecos da histórica Travessa Ratclif.

OS FILMES

Unido Vencerás, documentário de Pedro Asbeg / Raça Filmes, 2002, RJ, 10’

O que há de mais valioso para um clube de futebol? Seus títulos, sua tradição, seus craques? 90 minutos são suficientes para percebermos que, para o América Futebol Clube, sua maior riqueza são os seus torcedores, apaixonados e fiéis.

Dogão Calabresa, documentário de Pedro Asbeg / Raça Filmes, 2003, RJ, 16’

Morumbi, dezembro de 2002, final do Campeonato Brasileiro de Futebol. Enquanto Corinthians e Santos se enfrentam em campo, do lado de fora do estádio, algumas pessoas experimentam um jogo diferente.

Comprometendo a atuação, ficção comédia de Bruno Bini, 2006, MT, 17’

Wallace é um jogador de futebol com um dilema. Aos dezoito anos, tem a chance de ser convocado para um time de primeira divisão. Mas isso vai depender de muito preparo, muita concentração e nada de sexo antes do jogo.

Memórias de um guerrilheiro, documentário de Felipe Nepomuceno , 2005, RJ, 10’

Documentário produzido a partir das memórias de Adhemar Bianchini, ex-jogador de futebol, que jogou ao lado de Mané Garrincha e Pelé.

Mauro Shampoo, documentário de Leonardo Cunha Lima & Paulo Henrique Fontenelle, 2005, RJ, 20’

A inacreditável odisséia do pior time do mundo e de seu maior craque: um cabeleireiro. Um homem que tem um coração de ouro, uma tesoura de aço e uma perna de pau: Mauro Shampoo. Além de cabelereiro e ex-jogador de futebol, ficou famoso por jogar no Ibis Sport Club conhecido como o Pior Time de Futebol do Mundo.

O Túnel Azul, documentário de Maycon Melo e Matias Godio, 2009, SC, 21’

2008 foi o ano de acesso do clube catarinense Avaí FC a primeira divisão do Campeonato Brasileiro de Futebol. Após 29 anos, torcedores, jogadores e dirigentes do clube vivenciaram e comemoraram a conquista para a participação na elite do futebol nacional. O Túnel Azul mostra parte da atmosfera que envolve a dimensão pública e ao mesmo tempo particular dos atores envolvidos nesse evento.

SERVIÇO:

Quando: 23/06 – Quarta-feira

Onde: Instituto Arco-Íris, Travessa Ratclif nº 56 – Centro, Florianópolis, SC

Horário: 19h

Quanto: Entrada é gratuita e aberta a quem possa interessar

Contato: (48) 3224.7239 / 9125.5306 / 9941.2714

Site: http://www.cinematecacatarinense.org

O Cineclube Ieda Beck é uma realização de Cinemateca Catarinense – ABD/SC. Funcine – Fundo Municipal de Cinema, Prefeitura Municipal de Florianópolis e Travessa Cultural.


Anúncios
Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s