Sessão comentada encerra ciclo no Cine Pitangueira

 Em cartaz, os curtas E.T. – Emissário TerrestreXPurgamentum, e Éternau

purgamentum, de yannett briggiller

O Cineclube Pitangueira encerra o Ciclo Futuros Incertos nesta terça-feira (26) de novembro, às 20 horas com os curtas E.T. – Emissário Terrestre, de Rafael Schlichting, X, de Simone Bastos, Purgamentum, de Yannet Briggiler e Éternau, de Gustavo Jhan e Melissa Dullius. Os realizadores vão estar presentes na sessão. O cineclube funciona no Casarão da Lagoa e a entrada é gratuita.

eternau-02

No Ciclo Futuros Incertos do Cine Pitangueira já foram exibidos Metrópolis, de Fritz Lang, Laranja Mecânica, de Stanley Kubrick e Blade Runner, de Ridley Scott. O cineclube é uma realização da Cinemateca Catarinense com o patrocínio do Fundo Municipal de Cinema e com o apoio da Prefeitura. Municipal de Florianópolis e da Fundação Franklin Cascaes.

FILMES

E.T. – Emissário Terrestre, de Rafael Schilcting

FIC|2008|12’|Brasil-SC|COR. 12 anos

Um Emissário da Terra (E.T.) chega a um mundo lógico.  As pessoas do local se comportam de forma maquínica. O engenheiro chefe do lugar tenta mandá-lo embora como se previsse que algo viria a dar errado. O Invasor acaba no hospital. Lá, ele passa a pregar o evangelho. Os habitantes seguem seus ensinamentos e constroem uma igreja. No final, acontece o que o engenheiro chefe mais temia. O filme foi vencedor do edital municipal do Funcine, prêmio de realização de curta-metragem Armando Carreirão 2008.

X, de Simone Bastos

FIC|2007|7’|Brasil-SC|COR. Livre

X é um homem moderno que sofre pesadelos, sente-se muito só. Num de seus pesadelos, enxerga-se seminu, agonizando num espaço em ruínas, ligado a muitos fios elétricos. X rompe os fios, parte em busca da libertação

Purgamentum, de Yannet Briggiler

Animação|2009|11’|Brasil-SC|COR. Livre

A história de um pequeno planeta habitado por pacatos cidadãos que produzem lixo demais, até que montanhas de detritos ofuscam o horizonte. Purgamentum, que significa lixo em latim, é uma alegoria do modelo de desenvolvimento predominante no nosso planeta, um modelo baseado na necessidade de produção e consumo desenfreado, onde a natureza é explorada de forma predatória em nome do progresso; num discurso que se impõe como se não houvesse outra forma de sobrevivência para a humanidade senão a sua própria destruição gradativa. O filme foi vencedor do edital municipal do Funcine, prêmio de realização de curta-metragem Armando Carreirão 2009.

Éternau, de Gustavo Jahn e Melissa Dullius

FIC|2006|22’|Brasil-SC|COR. 12 anos

Viajando por terra, mar e através do espaço-tempo em busca de riquezas e belezas, os extravagantes Arqueólogos Mercenários invadiram os limites do jardim ancestral, causando o descompasso do céu e do mar.

O quê: Cineclube Pitangueira exibe Sessão comentada.
Quando
: terça-feira, 26 de novembro, às 20h.
Onde: Casa das Máquinas – Praça Bento Silvério, Lagoa da Conceição.
Quanto: gratuito.

CONTATO

Reno Caramori Filho
Coordenação
(48) 9168-1617

Cinemateca Catarinense (48) 3224-7239
Casa das Máquinas (48) 3232-1514
cinepitangueira@gmail.com
contato@cinematecacatarinense.org

Anúncios
Sem categoria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s